sexta-feira, 11 de novembro de 2011

O Papai Noel foi reinventado pela Coca-Cola



A imagem do Papai Noel como conhecemos hoje foi criada em 1931 por um sueco beberrão chamado Haddon Sundblon, numa tentativa extremamente bem sucedida da Coca-Cola em conquistar o público infantil. Pensando em agarrar cedo a próxima geração de consumidores, a Companhia investiu na publicidade dirigida a menores de 12 anos, mesmo havendo um grande tabu quanto a isso na época. Esse enfoque acabou reformulando a cultura popular americana. O Papai Noel de Sundblon era o homem da Coca-Cola perfeito - eternamente alegre, alto, vermelho vivo, metido em situações engraçadas envolvendo um conhecido refrigerante como recompensa por uma dura noite de trabalho entregando brinquedos. Antes das ilustrações de Sundblon, o santo do Natal fôra variadamente vestido de azul, amarelo, verde ou vermelho. Na arte européia ele era em geral alto e magro, ao passo que Clement Moore o descreveu como um elfo no "The Night Before Christmas". 

Um comentário:

  1. A imaginação é mais importante do que o conhecimento,pois,Um ato de bondade, mesmo que seja pequeno, nunca é em vão.até poque Procure viver pela paz, não por conflitos,ouça o que eu kel digo a vcs,Se você quer ser amado, seja amávell

    ResponderExcluir

Barra de vídeo

Loading...

Seguidores